Por un Brasil más incisivo en lo comercial

0
294

Michel Temer, vicepresidente de la República Federativa de Brasil, con motivo de la misión que preside esta semana en Portugal y España, ha declarado que “ha llegado el momento de que Brasil sea más incisivo en temas de política comercial”.


 

O vice-presidente da República, Michel Temer, chefiará delegação oficial brasileira em viagem a Portugal e a Espanha entre os dias 20 e 23 deste mês. A missão terá visitas de Estado aos principais líderes dos ambos países, além de encontros de negócios com investidores e fóruns empresariais.

“Teremos uma grande oportunidade de aprofundar as relações do Brasil com Portugal e Espanha e avançar nos negócios que interessam aos dois países”, afirma o vice-presidente.

Em Portugal, o vice-presidente se reúne com o presidente Aníbal Cavaco Silva, com o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, e com o vice-primeiro-ministro português, Paulo Portas. Na Espanha, as audiências serão com o rei Felipe VI, com o presidente do governo espanhol Mariano Rajoy, com a vice-presidenta do governo, Soraya Sáenz Santamaría, e o presidente do parlamento, Jesús Posada.

O comércio entre Brasil e Portugal atingiu, em 2014, US$ 2,1 bilhões de dólares, sendo US$ 1 bilhão de exportações brasileiras – revelando grande equilíbrio. O governo português vem demostrando interesse na aquisição do KC-390, o novo modelo de avião-cargueiro da Embraer. Além da possível participação de empresas brasileiros na privatização da TAP, companhia aéra portuguesa de reputação internacional, com atuação expressiva na conexão entre o Brasil e Europa.

A Espanha detém o segundo maior estoque de investimentos produtivos no Brasil, totalizando US$ 90 bilhões em 2012. Empresas espanholas têm demonstrado interesse em investir nas áreas de transporte marítimo, aviação civil, exploração do pré-sal, projetos relativos aos Jogos Olímpicos e do Programa de Investimentos em Logística brasileiro. O intercâmbio entre os dois países chegou a US$ 7,1 bilhões no ano passado, com US$ 3,2 bilhões de exportações brasileiras. A peninsula ibérica é vista como a porta de entrada para a Europa para o Brasil, sendo estratégica a relação com esses dois países.

Fuente: Oficina de la Vice-Presidencia de Brasil

No hay comentarios

Dejar una respuesta